5 Dicas Para Dar Foco No Que Vale a Pena

Publicado por Luiz Ricardo Sierra / 8 de outubro de 2018

Identifiquei algumas atitudes que ajudam a focar no que realmente importa para alcançarmos nossas metas e estabelecer critérios para recusar o que deve ser dispensado. Como a maioria das coisas que nos trazem benefícios, estes pontos são relativamente simples de serem aplicados.

1. Ter um objetivo maior: nos dedicamos com maior interesse quando realizamos coisas que fazem sentido para nós, quando temos o porquê de fazer aquilo.

2. Criar uma memória do futuro: nossa memória é baseada em emoções e as registramos em nosso inconsciente quando mentalizamos como estaremos ao alcançar nosso alvo, vendo, ouvindo e sentindo tudo ao nosso entorno e dentro de nós. Desta forma, quando fazemos o exercício de mentalização, sempre quando lembrarmos do motivo de realizarmos um esforço estas emoções aparecerão para nos motivar.

3. Planejar a execução: identificar quais as tarefas deverão ser realizadas, quais ações externas positivas e negativas podem atrapalhar nossa execução e como podemos controla-las, reduzi-las ou elimina-las.

4. Ser racional na tomada de decisões: usamos a emoção para criar nossa memória, mas para caminhar na direção correta precisamos usar a razão. Será a racionalidade que fará com que as situações que nos dão prazer sejam evitadas caso não estejam conectadas com nosso objetivo maior. Da mesma forma, fará com que enfrentemos situações desagradáveis para conquistar o que almejamos. O sim e o não devem ser pautados pela resposta à pergunta: se eu fizer isto estarei me aproximando ou me distanciando de meu objetivo? Tudo o que nos aproximar deverá estar entre nossas prioridades.

5. Auto monitorar-se: estabelecer uma rotina para avaliar se realmente seus comportamentos estão lhe trazendo o resultado desejado e muda-los se for necessário. Identificar quanto tempo está sendo efetivamente dedicado para seus objetivos e para outras atividades do dia-a-dia, inclusive uso de smartphones, reuniões profissionais, encontros com amigos e verificar se você o está usando de forma produtiva.

Estes pontos são simples, mas não necessariamente são de fácil execução. O foco sempre está acompanhado da disciplina e da vontade de fazer. No entanto, há ainda um elemento essencial que faz você dizer sim para aquilo que está focando e não para as demais oportunidades que surgem: a coragem. Ou seja, ter foco é uma questão de atitude.

LUIZ RICARDO SIERRA

Consultoria / Gestão de Projetos / Melhoria de Processos / Coaching

CONHEÇA O NOSSO TRABALHO

Entre em contato!